Pular para o conteúdo

O que é o amor storge na Bíblia?

O que é o amor storge na Bíblia

Storge (pronunciado storjay) é um termo que denota o “amor familiar“, um “vínculo profundo e afetuoso que se desenvolve naturalmente entre pais e filhos, maridos e esposas, irmãos”, e também com outros que são suficientemente próximos para serem considerados “família”. O amor storge é uma forma de carinho protetor que pode resistir a dificuldades e provações.

Aqueles que não creem em Deus frequentemente afirmam acreditar no amor. Eles podem até expressar amor por Jesus devido à sua natureza amorosa, mas o que exatamente isso significa? Como a Bíblia define o amor? Apesar de os estudiosos da Bíblia normalmente destacarem quatro tipos de amor bíblico, incluindo ágape, eros e philia, nossa atenção será focada na compreensão da importância e do poder do amor storge.

As palavras “amor Storge” não são encontradas na Bíblia? A palavra “storge” não é empregada na Bíblia, originando-se do grego “philostorgos”, que significa “ternamente amoroso”. O oposto de philostorgos pode ser identificado nas Escrituras como “astorgous”, usado na tradução grega para indicar “ausência de afeto natural”, conforme observado em Romanos 1:31.

A expressão “astorgou” é traduzida como “sem coração”. Paulo descreve indivíduos “que suprimem a verdade” sobre o evangelho “pela sua maldade” (Romanos 1:18) e os caracteriza como “fofocas, caluniadores, inimigos de Deus, insolentes, arrogantes e jactanciosos” (Romanos 1:29-30). Essas pessoas “desobedecem aos pais; eles não têm compreensão, fidelidade, amor, misericórdia” (Romanos 1:30-31).

Portanto, o oposto é alguém que é sábio, leal, amoroso e misericordioso, obediente aos pais, respeitoso e humilde, compartilhando a verdade, evitando fofocas e amando a Deus. Isso é o que se entende por amor de armazenamento.

Exemplos de amor storge evidenciados nas Escrituras

Cada vez que o amor se manifesta com misericórdia, lealdade, obediência, verdade e humildade… é aí que se revela o amor storge. Algumas das narrativas mais reconhecidas na Bíblia ilustram esse amor familiar: Abraão e Sara, Noé e sua família, Isaac e Jacó, assim como o amor de Maria e Marta por seu irmão Lázaro.

Quando Paulo escreve a Filemom para interceder por seu escravo fugitivo, Onésimo, ele destaca a Filemom que “embora em Cristo eu pudesse ser ousado e ordenar que você fizesse o que deve fazer, prefiro apelar para você com base no amor”. Paulo demonstra humildade ao dizer: “Apelo a você por meu filho Onésimo.” (Filemon 1:8-10)

Onésimo não era filho biológico de Paulo, mas na igreja primitiva, “todos os crentes estavam juntos e tinham tudo em comum. Vendiam propriedades e posses para dar a quem precisasse. Diariamente, continuavam a se reunir nos pátios do templo. Partiam o pão em suas casas e comiam juntos com o coração alegre e sincero, louvando a Deus”. (Atos 2:44-47)

Eles eram a família que Paulo ansiava quando estava na prisão ou em uma viagem missionária. Embora a palavra “storge” não seja mencionada, “o conceito está presente. Storge é fundamentado na familiaridade. Uma pessoa ama sua família, independentemente de serem pessoas por quem ela se atrairia de outra forma; os membros da família muitas vezes não têm nada em comum, exceto a familiaridade e o vínculo sanguíneo”, conforme apontado por Alyssa Roat em “O que o amor ágape realmente significa na Bíblia?”. Eles podem não ser parentes de sangue, mas os novos crentes se amavam como uma família em Cristo.

Versículos da Bíblia sobre Amor Storge

  • Honra teu pai e tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá. – Êxodo 20:12
  • Quem faz a vontade de meu Pai que está nos céus é meu irmão, minha irmã e minha mãe”. – Mateus 12:50
  • Amem uns aos outros com afeição fraternal. Superar uns aos outros em mostrar honra. – Romanos 12:10
  • Nisto conhecemos o amor, que ele deu a sua vida por nós, e nós devemos dar a nossa vida pelos irmãos. – 1 João 3:16

6 Formas de os Cristãos Expressarem Amor

Mesmo que você não seja casado ou seja filho único, mesmo que seus pais tenham partido há muito tempo, ainda é possível demonstrar amor familiar aos seus irmãos e irmãs em Cristo. Os crentes devem cultivar relacionamentos de comunhão semelhantes aos membros de uma família amorosa, envolvendo não apenas afeto, mas também unidade e até sacrifício.

Aqui estão seis maneiras de expressar um amor profundo e familiar aos membros de sua igreja, grupo de assistência, estudo bíblico ou outra comunhão:

  1. Ore por eles. Reservar tempo para orar pelas necessidades de seus irmãos e irmãs em Cristo é um sacrifício de tempo, mesmo sem enfrentar perigos físicos. Satanás tentará distrair os fiéis, tornando a oração um ato de coragem.
  2. Perdoe. A misericórdia é um castigo não merecido dado pela graça. Se alguém próximo o magoar, ofereça misericórdia, evitando guardar rancor. O verdadeiro amor não registra erros (1 Coríntios 13:5).
  3. Não tema a verdade. Seja honesto e aceite a verdade. Famílias aparentemente “boas” nem sempre são amorosas; às vezes, estão apenas se escondendo. Amar envolve correr o risco de chamar a atenção para pecados, mesmo que isso envolva riscos no relacionamento.
  4. Seja um bom exemplo. Demonstre amor por Cristo lendo as Escrituras, orando regularmente, perdoando, e compartilhando a verdade. Seja um modelo, reconhecendo suas falhas para que outros possam testemunhar o incrível amor de Cristo quando Ele perdoa.
  5. Aprendam juntos sobre o amor storge. Ativamente demonstre os princípios desse tipo de afeto, em vez de apenas falar sobre eles. Use testemunho pessoal e exemplos de vida para mostrar como a disciplina e o amor estão intimamente ligados na família da igreja.
  6. Permaneçam unidos. Mesmo que haja divergências, o mundo precisa ver uma frente unida entre os membros da família da igreja. Evite que diferenças insignificantes os separem, lembrando-se de que as lutas muitas vezes surgem dos desejos conflitantes dentro de cada um (Tiago 4:1).

Oração para Expressar Amor Pai, às vezes ficamos confusos sobre o verdadeiro significado do amor. Pedimos discernimento para distinguir entre um amor verdadeiro e um desejo egoísta. Um irmão amoroso nos corrigirá quando estivermos errados, mesmo que isso signifique enfrentar a rejeição.

Sabemos que o amor familiar envolve riscos, e o senhor, como nosso Pai Celestial, entende isso melhor do que ninguém. Obrigado por enviar seu Filho para ser nosso irmão e amigo. Ajude-nos a ser fiéis como Ele e a demonstrar amor genuíno aos nossos irmãos e irmãs. Que nossas interações com não-crentes expandam a sua família.

Nisso, temos a honra e o privilégio de expressar nosso amor por você, pois você disse: “Tudo o que você fez por um destes meus irmãos e irmãs mais pequeninos, você fez por mim” (Mateus 25:40).

Deixe sua avaliação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *